Esqueci de colocar o vinho para esfriar e os convidados chegaram: o que fazer?

Com o verão e as consequentes temperaturas mais altas chegando, resfriar o vinho antes de beber passa a ser mais importante. Cada tipo de vinho tem a sua temperatura ideal de consumo e, para atingi-la, existem várias formas. Possivelmente a mais prática segue sendo a geladeira para espumantes, brancos e rosés e, para quem tem em casa, a adega para os tintos.

Mas o que fazer se a festa está começando, os convidados chegando e você esqueceu de colocar o vinho para gelar? Trinta graus lá fora, todo mundo com sede e o vinho branco que você quer compartilhar ainda à temperatura ambiente. O que fazer? Qual o método mais rápido para levar o vinho a uma temperatura mais adequada?

Quatro opções

Pensando nisso, o site britânico The Drinks Business resolveu fazer uma experiência. Qual a forma mais rápida de baixar a temperatura de um vinho em cinco minutos?  Para tal, resolveu comparar a temperatura de um vinho à temperatura ambiente com quatro opções de “resfriamento expresso”. Quais seriam estas alternativas?

A primeira talvez seja a mais convencional. Pegue a garrafa de vinho e a coloque horizontalmente (obviamente a garrafa deve estar fechada) em uma bacia cheia de água gelada e gelo, que também contenha sal. A água e o gelo cobrem integralmente a garrafa. A segunda é parecida, porém colocando a garrafa na vertical, quase que inteiramente coberta. A diferença é que, neste caso, a pessoa irá girar a garrafa durante os cinco minutos, para que o vinho dentro dela se movimente.

As duas seguintes são mais radicais e exigem que você abra a garrafa e coloque o vinho em contato com outras substâncias. No primeiro caso, a garrafa foi aberta e o vinho inteiramente transferido para uma Zip Bag, estas sacolinhas de plástico descartáveis que usamos, entre outros, para guardar comida no freezer ou geladeira. Feito isso, esta sacolinha é imersa em água gelada, gelo e sal, sem, obviamente, que haja contado entre o vinho e o que está fora da sacola.

Por fim, a opção mais bizarra. Se colocar gelo diretamente no vinho iria alterar sua qualidades, a opção foi colocar o vinho em taças e, dentro delas, colocar frutas congeladas, como morangos ou framboesas. Do ponto de vista de integridade do vinho, certamente um desastre, já que, no fundo, você não irá mais beber vinho, mais sim uma espécie de ponche ou sangria.

Resultados

Porém, olhando objetivamente do ponto de vista de redução de temperatura, qual seria a alternativa que trouxe melhores resultados? O vinho que ficou em temperatura ambiente acabou o prazo de cinco minutos a 23,6 graus, refletindo a temperatura da sala onde a experiência foi feita. Por sua vez, a temperatura do vinho da garrafa que ficou na horizontal caiu para cerca de 19,7 graus, uma queda de quase quatro graus.

Já a garrafa que ficou na vertical e foi girada fechou os cinco minutos a 20,3 graus, a temperatura mais alta entre todas que foram resfriadas. Para o vinho que foi colocada na sacola Zip, a queda de temperatura foi maior, para 16,6 graus. Por fim, o melhor resultados em termos de resfriamento ficou para a bizarra opção de incluir frutas geladas: 10 graus!

Praticidade

Embora a última alternativa tenha sido a que obteve o melhor resultado em termos de resfriamento, certamente é a menos recomendada quando se fala de preservação da qualidade e propriedades do vinho. Porém, ela nos dá uma boa ideia do que fazer. Você já viu estas formas de gelo com água dentro, que são usadas sobretudo para resfriar uísque? Elas ficam guardadas no freezer e podem ser usadas para um rápido resfriamento, sem que o vinho entre em contato com a água e seja diluído.

Assim como no caso da Zip Bag, porém, existe a questão de transmissão de aromas e sabores para o vinho. Do ponto de vista de qualidade, o ideal é que o vinho não entre em contato com outras substâncias, mas a pressa pode justificar o uso de “métodos alternativos”. Eu ainda não provei e farei isso em breve, mas fica a dica: o melhor mesmo é deixar a garrafa fechada e ter a paciência para que o vinho atinja a temperatura ideal. Mas, em casos de emergência, algumas das alternativas acima podem servir para matar a sede de seus convidados!

Clique aqui para ver o vídeo (em inglês) desta experiência divertida.

Fonte: The Drinks Business

Imagem: Geoff Gill via Pixabay

O post Esqueci de colocar o vinho para esfriar e os convidados chegaram: o que fazer? apareceu primeiro em Wine Fun.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.