Venda de vinhos finos foi a que mais cresceu em outubro no Brasil

Os dados são de levantamento feito pela União Brasileira de Vitivinicultura. Aumento foi de 21,24% em relação ao mesmo mês de 2020. 

Apesar da proximidade das festas de final de ano e da comercialização de espumantes seguir em alta na comparação com 2020, foram os vinhos finos que tiveram o melhor desempenho durante o mês de outubro. Enquanto o incremento de espumantes foi de 10% em relação ao mesmo mês do ano passado, os vinhos cresceram 21,24% alcançando um volume nesses 30 dias de 2,1 milhões de litros contra 1,7 milhões. Já no acumulado de janeiro a outubro o aumento é de 10,99% chegando a 23 milhões de litros. Neste intervalo, os espumantes somam 20,8 milhões de litros nos 10 meses contra 14,8 milhões no mesmo período de 2020, um aumento de 40%.

A retomada dos eventos tem sido o principal fator a acelerar a venda dos espumantes. Mas a mudança de comportamento diante da pandemia, com o aumento do consumo de vinho em casa, associado a abertura dos restaurantes, atrativos turísticos e eventos, têm sido responsável por manter em alta a venda de vinhos. A expectativa do setor é que até o final do ano as borbulhas ganhem ainda mais impulso e na categoria de vinhos os brancos e rosés tenham maior atenção dos consumidores. O presidente da Uvibra, Deunir Luís Argenta, está confiante, mas sabe que assim como 2020, 2021 é um ano atípico. “Nosso desejo é que os brasileiros tenham descoberto de fato os vinhos brasileiros, percebendo a qualidade da produção local. Com a retomada dos eventos e o retorno da rotina no pós-pandemia estamos ansiosos para ver como a comercialização se comporta”, destaca. Argenta espera que o desempenho de venda de espumantes até o final do ano ultrapasse os 22,4 milhões de litros de 2019. “Estamos quase lá”.

Suco de uva amarga leve queda

Por outro lado, o suco de uva brasileiro, derivado da uva responsável pelo maior volume, segue registrando queda nas vendas. De janeiro a outubro, foram vendidos 134,7 milhões de litros, 2,39% menos que no mesmo período de 2020 e 4,78% menos que em 2019.

COMERCIALIZAÇÃO DE VINHOS FINOS, ESPUMANTES E SUCO DE UVA ELABORADOS NO RIO GRANDE DO SUL 

 

PRODUTOS
JAN/OUT 2019
JAN/OUT 2020
JAN/OUT 2021
21/20
21/19
Vinhos Finos
12.998.042
20.849.232
23.141.574
10,99%
78,03%
Espumantes (Brut)
8.996.980
8.655.001
11.992.722
38,56%
33,29%
Espumantes (Moscatéis)
5.311.966
6.235.067
8.881.625
42,45%
67,20%
Suco de Uva *
141.542.651
138.063.973
134.766.432
-2,39%
-4,78%

 

* Suco de Uva (Natural/Integral, Reprocessado/Reconstituído, Adoçado e Concentrado)

Fonte: SISDEVIN/SEAPDR | Elaboração: Uvibra – Dados coletados em 16 de novembro de 2021.

 

 

 

O post Venda de vinhos finos foi a que mais cresceu em outubro no Brasil apareceu primeiro em Brasil de Vinhos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.